1º de Julho está chegando!

Agora é definitivo! Daqui 8 dias a programação da TV aberta passará a ter 4h diárias de audiodescrição em seus programas! É algo a ser comemorado, mas ainda está longe do ideal em comparação com o total de programação sem audiodescrição. Além das campanhas publicitárias, o conteúdo audiodescrito abarcará também novelas, programas jornalísticos, humorísticos, infantis, esportivos, entre outros. Caberá à emissora escolher o melhor horário para aplicar este recurso. Vale lembrar que, em alguns países como a Inglaterra, são oferecidas 50h de programação audiodescritas por algumas emissoras de canais abertos. Essa lei deverá ser cumprida a partir do dia 1º de Julho, o que demonstra um avanço na acessibilidade aos portadores de deficiência visual. Abaixo, a Portaria nº 188/2010 do Ministério das Comunicações sobre o recurso audiovisual.

São Paulo, 20 de junho de 2013 – A partir de 1º de julho, as emissoras de TV abertas estarão obrigadas a ampliar de 2h para 4h semanais a programação com o recurso inclusivo e acessível da audiodescrição.

Fonte: http://www.blogdaaudiodescricao.com.br

Anúncios

TV INES e Prodeaf – a tecnologia para fins educativos!

Os surdos estão cada vez mais conquistando seu espaço na sociedade brasileira. Um dos passos mais importantes se refere à TV INES, a primeira emissora para surdos do país. A TV INES criada pelo Instituto Nacional de Educação para Surdos tem como objetivo atender aos surdos do Brasil e conta com toda sua programação em Libras. A emissora é online atende a diferentes públicos em sua programação, desde o infantil ao adulto.

O site oficial da emissora é: http://www.tvines.com.br/

Image

Outra conquista importante é o Prodeaf, talvez um dos aplicativos mais úteis da plataforma Android e na Apple Store que auxilia na tradução da linguagem brasileira de sinais (LIBRAS). O aplicativo foi desenvolvido com o auxílio de 40 surdos e teve o apoio do CNPq e de empresas como Bradesco Seguros, Wayra (telefônica) e do Sebrae. O investimento foi de mais de R$500 mil para sua criação.

O aplicativo pode ser instalado no celular pelo Play Store ou pela Apple Store e tem como principal funcionalidade reconhecer a voz do usuário e traduzir do português para a linguagem de sinais. Isto é feito através de um avatar e conta também com um dicionário instalado com 3.700 palavras.

O aplicativo é gratuito, e está em desenvolvimento também para as versões  iOS e Windows Phone. É a tecnologia sendo utilizada para romper barreiras na comunicação.

Mais informações, acessem www.prodeaf.net ou curta a página no face https://www.facebook.com/prodeafLibras.

Image

1ª Edição do Prêmio ATRAE

Não é novidade que a Espanha vem se destacando nos estudos sobre tradução audiovisual. Por este motivo, a Asociación de Traducción y Adaptación Audiovisual  de España criou o Prêmio ATRAE para as melhores traduções e adaptações do meio audiovisual. A premiação ocorreu no último dia 31 de Maio, em Madrid. De acordo com o site da ATRAE (http://www.atrae.org/noticias/) o objetivo dessa premiação é de reconhecer o trabalho realizado por esses profissionais durante o processo de tradução e/ou adaptação de diferentes tipos de produtos, como filmes, jogos de videogame, séries, documentários, entre outros.

Melhor tradução e adaptação para dublagem para cinema por Os intocáveis: Gabriel Cereceda y Gonzalo Abril

Melhor legenda para cinema por  Os miseravéis: Quico Rovira-Beleta

Melhor tradução e adaptação para dublagem para TV pela 22ª temporada Os Simpsons:  María José Aguirre de Cárcer y Ana María Simón

Melhor legenda para TV pela 2ª temporada de A Guerra dos Tronos:  Paco Vara

Melhor legendagem para surdos para TV pela 3ª temporada de Torchwood (TV3): Neus Aymerich

Melhor audiodescrição para DVD por O Artista: Antonio Vázquez

Melhor legenda para surdos para DVD por  Miel de naranjas: Fidel Manrique y Leticia Rojo

Melhor tradução e revisão para dublagem pelo jogo de videogame PEGI+18 Assassin’s Creed III: Juan Ramón Acedo, Juan Manuel Coronil, Luis Valero y Beatriz Pedroche

Melhor tradução e revisão para dublagem pelo jogo de videogame PEGI+12 The Sims 3: Sobrenatural: María Luisa Crespo, Amparo Ramajo y Germán Muñoz.

Aqui no Brasil, temos o Óscar da dublagem (http://oscardadublagem.com.br/)!

Um grande exemplo a ser seguido, e valorizado!